CRÔNICA: Sempre

E foram felizes para sempre. Depois de perceberem aliviados que tudo saiu conforme o Pinterest. Depois de darem um selinho ao por-do-sol. Depois de entrarem num carro com teto retrátil. Depois de posarem para mais fotos. Depois de passarem por um túnel de bolinhas de sabão. Depois de comerem bem-casados. Depois dela jogar o buque. Depois de fingir por duas vezes que não jogaria. Depois de dançarem com enfeites comprados na Vinte e Cinco de Março. Depois de tirarem fotos com plaquinhas. Depois de dançarem sertanejo universitário. Depois de tocar ‘Abra suas asas’, do Lulu Santos. Depois do techno. Que foi depois da dance Music. Depois de terem subido ao palco para agradecer a presença de todos. Depois de comerem a sobremesa. Depois do prato principal. Depois das saladas. Que foi servida depois da valsa. Depois do vídeo de melhores momentos. Depois dos canapés. Depois de assinarem a papelada. Depois de cumprimentarem o juíz do cartório. Depois de posarem para fotos. Depois de saírem da igreja. Depois de cumprimentarem a família. Depois de beijarem-se. Depois da prédica do padre. Depois do noivo chorar. Depois da noiva entrar. Depois do cortejo desfilar. Depois de uma briga por um lugar supostamente roubado na primeira fila. Depois do pai da noiva chorar. Depois da noiva limpar a lágrima ao colocar o arranjo na cabeça. Depois da massagem regada a espumante do Dia da Noiva. Depois de postarem #chegouograndedia. Depois dela receber flores. Depois de ter emagrecido de ansiedade. Depois de pedirem um empréstimo para bancar os extras que não foram computados no orçamento. Depois de brigar com a sogra por causa do arranjo no altar. Depois de ter saído de uma festa e comentado com o noivo que “aquela festa estava cheia de clichês”. Depois de buscarem o convite na calígrafa. Depois de decidirem a arte do Save the Date. Depois de ter postado no Instagram. Depois dela ter dito “sim, mil vezes sim”. Depois dele ter perguntado se ela lhe concederia a honra de passar o resto da vida ao lado dele. Depois dele ter ajoelhado-se. Depois de ter escolhido um anel para pagar em doze vezes sem juros. Depois que ele percebeu que era hora. Era uma vez.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s